Web Statistics
Golpe no WhatsApp oferece passagem aérea gratuita da Azul | Gazeta de Rondônia
Página Inicial / Últimas / Golpe no WhatsApp oferece passagem aérea gratuita da Azul

Golpe no WhatsApp oferece passagem aérea gratuita da Azul

Painel Político – Notícias no Whatsapp sobre política, economia, artigos, jurídico, cultura e viagens.

Um novo golpe que circula no WhatsApp promete uma passagem aérea da Azul para quem responder a um pequeno questionário. A mensagem avisa que a promoção tem duração limitada. Ao acessar o link, o site informa que a “promoção de começo de ano” é “válida apenas para hoje”.

Depois de responder às perguntas, o usuário recebe a mensagem: “Parabéns, você foi qualificado a ganhar 1 passagem!”. Para concluir o processo, é preciso compartilhar a mensagem com 25 pessoas no WhatsApp, seguir o passo-a-passo na aba “retirar passagens” e aguardar o envio do brinde em até dois dias por e-mail.

Procurada, a Azul informou que o cupom é falso. “A companhia ressalta que toda e qualquer promoção realizada pela empresa é divulgada somente pelos canais oficiais: perfis nas redes sociais, site e e-mails de relacionamento com o cliente”.

Segundo o analista sênior de segurança da Kaspersky, Fabio Assolini, o resultado deste tipo de golpe pode variar entre consequências inofensivas até a ações que causam prejuízo financeiro. “A vítima pode ser direcionada para um site cheio de propaganda, mas inofensivo. O dono do domínio lucra a partir do número de visitas na página”.

Ainda de acordo com o especialista, há outras possibilidades: pode ser oferecido ao usuário a instalação de um aplicativo, legítimo ou não. Se for um aplicativo conhecido, o criminoso lucra ao promovê-lo.

Se o aplicativo for desconhecido o risco é maior. “Pode ser um código malicioso ou um vírus que infecta o celular. O vírus mais agressivo vai roubar sua senha, capturar número de cartão de crédito e o menos ofensivo vai exibir propaganda enquanto você utiliza o celular”, afirmou Assolini.

Ao concluir o questionário, o usuário também pode ser direcionado a uma página que solicita seu número de celular. “Como o processo é muito rápido, as pessoas preenchem. Ao colocar o número, ela está se inscrevendo em um serviço premium, que cobra semanalmente 3,99 reais ou 4,99 reais. A pessoa só se dá conta quando chegar a fatura ou perceber o saldo menor. O criminoso ganha comissão em cima de cada nova assinatura”.

Segundo Assolini, o tipo de golpe ao qual a pessoa será direcionada depende de vários fatores, inclusive do sistema operacional do celular. “Se você tem um Android, é mais provável que caia em uma página de instalação de aplicativo, porque mais pessoas possuem esse tipo de celular e o criminoso consegue lucrar mais. Se o seu celular é da Apple, na maioria das vezes ele vai te direcionar para a página de inscrições em serviços, porque imaginam que quem possui esse smartphone tem um perfil financeiro melhor”.

Ainda segundo ele, não é possível identificar quantas pessoas já caíram nesse golpe. “Essa técnica engana muita gente, o volume de pessoas que usam WhatsApp no Brasil é muito grande”.

O especialista ainda destacou que o autor desse golpe é o mesmo que promoveu os cupons falsos de desconto do Burger King.

Para se proteger, segundo ele, é necessário desconfiar. “Desconfie mesmo se estiver recebendo a mensagem do seu contato mais confiável e faça uma busca antes, se for verdade a empresa vai divulgar a promoção no site dela”.

A segunda recomendação é fazer uso de um bom antivírus, que bloqueia o acesso a links maliciosos.

Fonte: veja

Golpe no WhatsApp oferece passagem aérea gratuita da Azul

___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Golpe no WhatsApp oferece passagem aérea gratuita da Azul
FONTE: Painel Político

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Justiça suspende posse de Cristiane Brasil no Ministério do Trabalho

Painel Político – Notícias no Whatsapp sobre política, economia, artigos, jurídico, cultura e viagens. O juiz …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *