Web Statistics
Comissão Europeia diz que negociação com Mercosul “está em posição difícil” | Gazeta de Rondônia
sexta-feira ,22 fevereiro 2019

Página Inicial / Brasil / Comissão Europeia diz que negociação com Mercosul “está em posição difícil”

Comissão Europeia diz que negociação com Mercosul “está em posição difícil”

Painel Político – Notícias no Whatsapp sobre política, economia, artigos, jurídico, cultura e viagens.

A Comissão Europeia afirmou nesta quarta-feira (31) que a negociação visando a assinatura do acordo de livre-comércio entre a União Europeia (UE) e o Mercosul (bloco formado pelo (Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai) está em uma “posição difícil”, mas que confia que, com a “vontade política” atual, se chegará a um pacto. A informação é da EFE.

“Ao final, só restaram os temas mais difíceis. Os assuntos fáceis já estão resolvidos”, disse ontem o vice-presidente da Comissão Europeia, Jyrki Katainen, em uma coletiva de imprensa, depois que os ministros de Relações Exteriores do Mercosul e os comissários europeus de Comércio e Agricultura se reuniram em Bruxelas.

Katainen declarou que a UE deve “calibrar o quanto pode oferecer e onde estão as linhas vermelhas”, mas disse estar confiante que “se a vontade política for tão forte como é neste momento”, o acordo poderá ser fechado. “Temos muito o que conseguir ao lado do Mercosul e eles precisam de um melhor acesso ao nosso mercado. Tenho bastante confiança neste momento, mas a negociação está em uma posição difícil”, falou.

O comissário se recusou a pronunciar-se sobre a última oferta colocada sobre a mesa pela União Europeia, mas indicou que na reunião de ontem “as coisas progrediram” e que agora esperam que o Mercosul responda às suas propostas e possam finalizar as negociações.

Negociador experiente

“A UE é um negociador muito experimentado em comércio e entendemos que o Mercosul não tenha tantos acordos comerciais com outros, mas entendem que isto é muito importante política e economicamente para a região”, destacou Katainen.

A reunião de ontem (30) se desenvolveu sobre a base dos últimos capítulos estipulados entre os dois blocos na última rodada de negociação realizada em dezembro, em Buenos Aires, e será sucedida por um encontro dos negociadores de ambas partes em Bruxelas, na próxima sexta-feira (2), para continuar avançando.

A UE e o Mercosul negociam desde 1999 um amplo acordo de associação que inclui um tratado comercial, mas as conversas estiveram bloqueadas completamente entre 2004 e 2010, e só foram retomadas em 2016.

Da Agência EFE

Comissão Europeia diz que negociação com Mercosul “está em posição difícil”



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Comissão Europeia diz que negociação com Mercosul “está em posição difícil”
FONTE: PAINEL POLÍTICO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Greve de caminhoneiros faz governo estender vacina contra gripe

Sem transporte ou com pouco combustível, muitas pessoas não conseguiram chegar até os postos de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *