Web Statistics
TJ concede habeas corpus para frentista que atirou em posto | Gazeta de Rondônia
Página Inicial / Brasil / TJ concede habeas corpus para frentista que atirou em posto

TJ concede habeas corpus para frentista que atirou em posto

Painel Político – A informação chega primeiro aqui

O Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo concedeu habeas corpus para o frentista Manoel Santos Silva, filmado atirando contra foliões durante uma briga em um posto de gasolina na Avenida Rebouças, na zona oeste, durante festejos de pré-carnaval na capital no último fim de semana; duas pessoas morreram. O pedido de liberdade foi feito pelo promotor responsável pelo caso e vai de encontro ao que a Vara do Tribunal do Júri havia decidido nesta semana, quando decretou a prisão temporária por 30 dias.

O promotor Hidejalma Múcio sustentou à Justiça que não há razões imediatas para a prisão de Silva. “A prisão temporária do paciente, por não ser necessária ou imprescindível para as investigações, imporá a ele os malefícios de uma prisão que se mostra arbitrária e em desacordo com a lei. Também não contribuirá em nada com a investigação”, escreveu no pedido, completando que Silva não tem antecedente criminal, e tem profissão e endereço fixos. As investigações, ressalta Múcio, não sofreram qualquer interferência do frentista.

O juiz Sérgio Mazina Martins atendeu ao pedido destacando que a iniciativa partiu do próprio promotor, que como autoridade titular da ação penal, receberá as informações da investigação para oferta ou não de denúncia. “Desnecessário frisar que o tema que se debate aqui é estritamente a prisão temporária – ou seja, se o aprisionamento do paciente se recomenda ou não para a boa sorte das investigações – e, portanto, nesse quadro realmente por ora se recomenda, ainda que precariamente, o deferimento da liminar invocada pela promotoria de justiça”, escreveu Martins na decisão.

No tumulto registrado no Posto Rebouças morreram João Batista Moura da Silva, de 30 anos, e Bruno Gomes de Souza, de 31 anos, empresário do ramo de academia. Ficaram feridos o administrador de banco Rodrigo Beralde, de 34 anos, e o operador de máquinas Fernando Avelino, de 28 anos.

A polícia investiga as causas do tumulto. Segundo testemunhas que prestaram depoimento no 14° DP (Pinheiros), o crime ocorreu por volta de 19h30 do sábado, 3. Amigos das vítimas relataram à polícia que estavam em um grupo de 12 pessoas saindo do bloco Maluco Beleza, no Parque do Ibirapuera, na zona sul, e iam em dois carros para o Largo da Batata, na zona oeste, para acompanhar outros blocos. No posto, quando o grupo tentou usar o banheiro uma discussão foi iniciada e culminou com os disparos efetuados pelo frentista.

Imagens de câmera de segurança foram entregues à polícia. Vídeo divulgado pelo portal G1 mostra parte do grupo discutindo com um homem de mochila nas costas. Em seguida, um rapaz de boné empurra o homem de mochila. Outro homem com jaleco parte para cima, mas cai no chão após receber socos e pontapés do grupo. Ele, então, se levanta, saca a arma e dispara.

 

 

 

 

 

Com informações do Estadão Conteudo.

TJ concede habeas corpus para frentista que atirou em posto



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:TJ concede habeas corpus para frentista que atirou em posto
FONTE: PAINEL POLÍTICO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Greve de caminhoneiros faz governo estender vacina contra gripe

Sem transporte ou com pouco combustível, muitas pessoas não conseguiram chegar até os postos de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *