Web Statistics
Raul Jungmann toma posse do Ministério da Segurança Pública nesta terça-feira | Gazeta de Rondônia
Página Inicial / Brasil / Raul Jungmann toma posse do Ministério da Segurança Pública nesta terça-feira

Raul Jungmann toma posse do Ministério da Segurança Pública nesta terça-feira

Painel Político –

O porta-voz da presidência da República, Alexandre Parola, oficializou a criação do Ministério Extraordinário da Segurança Pública e a nomeação de Raul Jungmann para comandar a nova pasta. “O presidente Michel Temer edita a medida provisória que cria o ministério Extraordinário da Segurança Pública”, informou Parola, confirmando o nome de Jungmann e o nome do secretário-geral da Defesa, general Joaquim Silva e Luna, para assumir a Defesa.
No momento do anúncio, segundo apurou o jornal O Estado de S. Paulo, Jungmann está organizando e discutindo a criação da nova pasta e montando a equipe que passará a comandar. A previsão é que a posse seja nesta terça-feira (27). Para o lugar de Jungmann no Ministério da Defesa assumirá o general Joaquim Silva e Luna, atual secretário-geral da pasta. É a primeira vez que um militar assume como ministro da Defesa. Segundo fontes, a tendência é que o presidente Michel Temer mantenha o general da reserva no cargo.
O texto da MP foi fechado em reunião no último domingo no Palácio do Jaburu entre o presidente Michel Temer e ministros. Na semana passada, Temer chegou a estudar criar a pasta por meio de um decreto, o que, segundo fontes do Planalto, evitaria a necessidade de apoio do Congresso. Além disso, Temer ganharia o discurso de que, com a pasta criada via decreto, não seria criada uma nova estrutura de cargos, sem gerar mais custos para o governo.
Agora com a decisão de criar a pasta via MP, também já foi anunciado que serão criados os cargos de ministro, secretário e nove cargos de assessoria. Apesar disso, haverá um remanejamento de alguns servidores da Justiça para a nova pasta. No domingo, o ministro da Justiça, Torquato Jardim, confirmou que a Polícia Federal, a Polícia Rodoviária Federal, o Departamento Penitenciário Nacional (Depen) e a Secretaria de Segurança Pública (inclui a Força Nacional) ficarão subordinados ao novo ministério.
Currículo
Jungmann está à frente do Ministério da Defesa desde maio de 2016, quando tomou posse prometendo dar prosseguimento aos projetos estratégicos das Forças Armadas (Exército, Marinha e Aeronáutica). Durante sua gestão, comandou a organização do emprego de efetivo militar na segurança dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio de Janeiro e o processo de retirada das tropas brasileiras do Haiti. Em setembro de 2016, cerca de 25 mil militares deram apoio logístico à realização das eleições municipais em 409 localidades de 14 estados, garantindo a segurança do pleito.

Pernambuco como um ‘parceiro’
A transferência do ministro Raul Jungmann do Ministério da Defesa para o recém-criado Ministério da Segurança Pública levou o governo do estado a emitir uma nota em que, além de apontar questões para ajudar no combate à violência, também se coloca como “parceiro” na nova tarefa designada ao pernambucano. Na verdade, o texto relata propostas aprovadas durante a reunião dos governadores em Rio Branco (Acre), em 27 de outubro de 2017, quando os gestores discutiram a questão. O encontro, inclusive, contou com a participação de quatro ministros (Segurança Institucional, Justiça, Defesa e Relações Exteriores).
Na nota, consta a informação sobre a “Carta do Acre”, documento elaborado pelos governadores no qual relacionam sugestões para melhor a segurança pública no país e que, na avaliação do governo Paulo Câmara, continuam válidas. Entre as propostas estão o Plano Integrado contra fragilidade das fronteiras para o combate ao narcotráfico, tráfico de armas e munição e um Fundo Nacional de Segurança, semelhante ao Fundo Nacional de Saúde.
Sugerem, entre outras coisas, a integração das atividades de inteligência e informações dos governos estaduais e federal; ação de triplicação do efetivo do Exército nas fronteiras amazônicas, do Centro-Oeste e do Sul; e ampliação da presença da Marinha e da Aeronáutica na Amazônia.

Fonte: diariodepernambuco

Raul Jungmann toma posse do Ministério da Segurança Pública nesta terça-feira



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Raul Jungmann toma posse do Ministério da Segurança Pública nesta terça-feira
FONTE: PAINEL POLÍTICO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Greve de caminhoneiros faz governo estender vacina contra gripe

Sem transporte ou com pouco combustível, muitas pessoas não conseguiram chegar até os postos de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *