Web Statistics
“Está na hora desse prefeito enxergar, criar vergonha na cara e começar a administrar nossa cidade”, diz Hermínio | Gazeta de Rondônia
sexta-feira ,15 fevereiro 2019

Página Inicial / Brasil / “Está na hora desse prefeito enxergar, criar vergonha na cara e começar a administrar nossa cidade”, diz Hermínio

“Está na hora desse prefeito enxergar, criar vergonha na cara e começar a administrar nossa cidade”, diz Hermínio

Painel Político –

Em áudio distribuído em redes sociais, deputado questiona interesse do prefeito em fechar acordo com empresa de videomonitoramento, segundo Hermínio, com sede na China

“Esse prefeito é um brincante, não sei que moral esse cara tem para falar de dreno de dinheiro público, de desvio de dinheiro público”.  Esta é apenas uma das afirmações feitas pelo deputado estadual Hermínio Coelho (PDT), ex-presidente da Assembleia Legislativa de Rondônia, contra o atual prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves (PSDB).

O áudio foi uma espécie de contra-ataque feito por Hermínio Coelho a uma entrevista dada pelo prefeito Hildon Chaves à uma rádio local sobre a possibilidade de trocar o sistema de vigilância presencial – com guardas em todas as escolas – por uma espécie de videomonitoramento.

Desde o início, Hermínio Coelho – que tem em seu DNA o movimento sindical – vem se posicionando contrário à mudança, que traria a demissão de cerca de 900 vigilantes. O caos ganhou a esfera judicial. Uma decisão suspendeu a contratação da empresa – com sede em Manaus – e gerou um embate político entre Hermínio e Hildon.

Na entrevista dada à rádio, Hildon Chaves questionou a credibilidade de Hermínio. Ele citou que o deputado havia sido condenado por cometer crime de injúria contra o governador Confúcio Moura.

De acordo com o áudio divulgado por Hermínio, “primeiro se tem desvio ele (Hildon) está confessando que é ladrão e falar de dreno, dreno é que ele quer fazer com esse contrato de videomonitoramento, trocar pelos nossos vigilantes, aí é drenar o dinheiro lá para China para os paraísos fiscais, uma pontinha fica aqui em Manaus, mas o grosso vai para a China, enquanto os nossos trabalhadores ficam sem ter o pão para dar aos seus filhos e as suas famílias”, afirma o deputado.

Ainda segundo a postagem de Hermínio, “está na hora desse prefeito enxergar, criar vergonha na cara e começar a administrar nossa cidade e cuidar do povo de Porto Velho como ele prometeu.

Leia a matéria completa no Rondoniaovivo

“Está na hora desse prefeito enxergar, criar vergonha na cara e começar a administrar nossa cidade”, diz Hermínio



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:“Está na hora desse prefeito enxergar, criar vergonha na cara e começar a administrar nossa cidade”, diz Hermínio
FONTE: PAINEL POLÍTICO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Greve de caminhoneiros faz governo estender vacina contra gripe

Sem transporte ou com pouco combustível, muitas pessoas não conseguiram chegar até os postos de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *