Web Statistics
Reajuste nas tarifas dos Correios para clientes do Mercado Livre é suspenso | Gazeta de Rondônia
quinta-feira ,20 setembro 2018
Página Inicial / Brasil / Reajuste nas tarifas dos Correios para clientes do Mercado Livre é suspenso

Reajuste nas tarifas dos Correios para clientes do Mercado Livre é suspenso

Em liminar, juíza Federal suspendeu reajustes que começariam nessa terça-feira, 6.

A juíza Federal Rosana Ferri, da 2ª vara Cível Federal de SP, determinou nesta terça-feira, 6, a suspensão do reajuste nas tarifas dos Correios para clientes do site de compras Mercado Livre. O aumento havia sido anunciado no mês passado.

De acordo com os autos, a plataforma de comércio eletrônico mantém contrato desde 2011 com os Correios. Em 2016, ao tratarem da renovação contratual, não conseguiram acordo amigável, em razão de nova política de preços por parte dos Correios, sendo firmado um acordo unilateral favorável ao serviço de entregas.

Para evitar a descontinuidade dos serviços, o Mercado Livre se submeteu às novas condições. Entretanto, no mês passado, os Correios anunciaram um novo reajuste nas tarifas de entrega. Em razão disso, a plataforma de comércio eletrônico ingressou na Justiça com pedido de tutela provisória de urgência para suspender o aumento. O site alegou a ocorrência de ilegalidade e abusividade nas medidas impostas pelos Correios.

Ao analisar o caso, a juíza Federal Rosana Ferri ponderou que há “plausibilidade nas alegações da parte autora, principalmente, no que tange à nova política de preços adotada pelos Correios”. A magistrada entendeu também que o aumento no valor das taxas poderia ocasionar prejuízos à plataforma, “considerando o fato de que a única forma de envio das mercadorias do negócio praticado” se dá por intermédio de serviço prestado pela parte ré em regime de monopólio.

A magistrada ressaltou a existência de “perigo de dano” à parte autora por causa do reajuste. Em razão disso, deferiu tutela de urgência para determinar a suspensão do aumento nas tarifas de encomendas do Mercado Livre.

“Obviamente que a questão merece melhor análise com a formação do contraditório, todavia, em homenagem ao princípio da razoabilidade, entendo que deva ser concedida a tutela pretendida, a fim de não onerar a parte autora, pelo menos até a realização de audiência de tentativa de conciliação.”

Processo: 5004786-83.2018.4.03.6100

Fonte: migalhas

O post Reajuste nas tarifas dos Correios para clientes do Mercado Livre é suspenso apareceu primeiro em Painel Político.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Reajuste nas tarifas dos Correios para clientes do Mercado Livre é suspenso
FONTE: PAINEL POLÍTICO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Greve de caminhoneiros faz governo estender vacina contra gripe

Sem transporte ou com pouco combustível, muitas pessoas não conseguiram chegar até os postos de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *