Web Statistics
Brasil reconhecerá, pela primeira vez, duas pessoas como apátridas | Gazeta de Rondônia
Página Inicial / Últimas / Brasil reconhecerá, pela primeira vez, duas pessoas como apátridas

Brasil reconhecerá, pela primeira vez, duas pessoas como apátridas

Irmãs receberão reconhecimento do Ministério da Justiça. Condição existe desde 2017 e facilita a naturalização

As irmãs Maha e Souad Mamo, refugiadas que chegaram ao Brasil há quatro anos, receberão o título de apátridas nesta semana. Esta é a primeira vez que o Brasil reconhece esta condição. O ministro da Justiça, Torquato Jardim, assinará nesta segunda-feira (25/6) o reconhecimento em evento da pasta.

Este é o primeiro passo para que as irmãs possam conseguir a naturalização simplificada, um procedimento específico para apátridas, ou seja, quem não tem uma nacionalidade. O reconhecimento da condição passou a existir no Brasil a partir da nova Lei de Migração, em vigor desde novembro de 2017.

De acordo com a agência da Organização das Nações Unidas para Refugiados (Acnur), estima-se que existam aproximadamente 10 milhões de pessoas em todo o mundo sem nacionalidade. Por não possuírem uma certidão de nascimento e, consequentemente, outros documentos de identidade, muitas vezes elas são impedidas de ir à escola, consultar um médico, trabalhar, abrir uma conta bancária, comprar uma casa ou se casar.

Fonte: metropoles

O post Brasil reconhecerá, pela primeira vez, duas pessoas como apátridas apareceu primeiro em Painel Político.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Brasil reconhecerá, pela primeira vez, duas pessoas como apátridas
FONTE: PAINEL POLÍTICO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Homem bebe demais, luta com porco, tem pênis arrancado e morre

Não se sabe, entretanto, o que motivou a briga, além do álcool Um caso triste, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *