Web Statistics
Polícia prende segundo suspeito de chacina que matou família em Florianópolis | Gazeta de Rondônia

Página Inicial / Últimas / Polícia prende segundo suspeito de chacina que matou família em Florianópolis

Polícia prende segundo suspeito de chacina que matou família em Florianópolis

Em 6 de julho, vítimas foram mortas por asfixia depois de oito horas de tortura psicológica

A Polícia Civil prendeu na madrugada deste sábado (11) em São José, na Grande Florianópolis, o segundo suspeito de participação na chacina de uma família ocorrida em julho em Florianópolis. O primeiro, um jovem de 21 anos, foi preso temporariamente na tarde de sexta-feira (10) em Santana do Livramento (RS). A forma como o crime ocorreu e a motivação são investigados pela Polícia Civil catarinense.

Outros detalhes da prisão serão informados ao longo desta manhã, segundo o delegado Enio de Matos, da Delegacia de Homicídios da capital.

Vítimas

Morreram na chacina o viúvo e empresário Paulo Gaspar Lemos, 78, e os três filhos dele: o empresário Leandro Gaspar Lemos, 44, Paulo Gaspar Lemos Junior, 51, que tinha deficiência intelectual, e a artesã Katya Gaspar Lemos, de 50. Com exceção de Leandro, todos moravam no apart-hotel. Também foi assassinado na ocasião o sócio da família Ricardo Lora. A chacina ocorreu em 6 de julho.

Segundo a Polícia Civil catarinense, o primeiro suspeito foi preso na fronteira com o Uruguai. A corporação não informou se há outros suspeitos com mandado de prisão em aberto. A identificação do jovem foi feita através do trabalho de perícia e de investigação da Delegacia de Homicídios de Florianópolis.

A polícia gaúcha informou que o jovem foi encaminhado ao presídio local e colocado à disposição da Justiça catarinense.

Hipóteses

Logo após a chacina, a Polícia Civil tinha como hipótese principal as dívidas da família como motivação do crime, apesar de outras não estarem descartadas. “Nós temos algumas linhas, em decorrência do histórico da vítima. É um empresário [Paulo Gaspar Lemos], que teve problemas financeiros e tem alguns negócios que foram feitos. A partir daí é uma linha de investigação”, disse Furlanetto no dia em que as vítimas foram encontradas.

“No bojo tem todas as questões comerciais. A locadora, o hotel, ações trabalhistas. São diversas questões que envolvem. Mas com a investigação prosseguindo, como está ocorrendo, na verdade vamos achar o caminho mais objetivo e concreto”, acrescentou o delegado.

Crime

Três homens armados chegaram ao apart-hotel, em Canasvieiras, no Norte da Ilha, na tarde de 5 de julho e renderam seis pessoas. Eles estavam encapuzados e usavam luvas. Os suspeitos teriam chegado a procurar um cofre, mas não encontraram.

Uma das vítimas rendidas, funcionária do local, conseguiu fugir e acionar a polícia, que chegou ao estabelecimento por volta das 0h30 e encontrou os corpos. Havia gasolina espalhada pelos locais e não houve registro de disparo de arma de fogo.

Segundo a polícia, os criminosos não machucaram as vítimas de forma ostensiva. Elas estavam amarradas, de barriga para baixo e chegaram a ficar oito horas sofrendo tortura psicológica até serem mortas por asfixia.

Do G1/SC

O post Polícia prende segundo suspeito de chacina que matou família em Florianópolis apareceu primeiro em Painel Político.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Polícia prende segundo suspeito de chacina que matou família em Florianópolis
FONTE: PAINEL POLÍTICO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Pagamento dos servidores estaduais é antecipado para esta terça-feira em RO

De acordo com a Secretaria de Estado de Finanças (Sefin) a dívida do Beron, que …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *