Página Inicial / Últimas / Presidente do Peru é intimado a depor, e impeachment ganha força

Presidente do Peru é intimado a depor, e impeachment ganha força

Pedro Castillo é acusado de pressionar as Forças Armadas a promover militares ligados a seu governo

presidente do Peru, Pedro Castillo, terá de depor à Promotoria em 14 de dezembro para explicar sua tentativa de promover os militares ligados ao governo esquerdista. O caso tornou-se público em novembro deste ano e acarretou a renúncia do ministro da Defesa, Walter Ayala.

A intimação foi feita na última quinta-feira, 2. Castillo não é investigado, e as investigações ainda estão em fase preliminar.

Debandada

O escândalo veio à tona depois de o presidente peruano demitir os comandantes do Exército, general José Vizcarra, e da Força Aérea, Jorge Chaparro. Posteriormente, os dois disseram que foram pressionados a promover de maneira irregular alguns integrantes das Forças Armadas. De acordo com os oficiais, as tentativas partiram do então ministro Walter Ayala e de Bruno Pacheco, secretário de Castillo.

Ambos os funcionários pediram demissão e estão sendo investigados sob a acusação de que incorreram na alegada prática dos crimes de abuso de autoridade e patrocínio ilegal, previstos e sancionados no Código Penal.

Impeachment à vista

O caso aumentou a temperatura da crise política envolvendo Castillo, que assumiu o comando do país em julho deste ano. No último dia 25, congressistas de três partidos de direita apresentaram um pedido de destituição do presidente, sob a alegação de que o político de extrema esquerda não possui capacidade moral para exercer suas funções.

O pedido conta com 28 assinaturas — duas a mais do que o exigido para iniciar o trâmite de votação no Parlamento unicameral no país. No entanto, o avanço da matéria não está garantido, pois são necessários os votos de pelo menos 40% dos 130 deputados. A votação está marcada para a próxima terça-feira, 7.

Ainda que o pedido avance nessa primeira fase, a destituição de Castillo depende do apoio de 87 parlamentares, o equivalente a 70% da Casa. Hoje, a oposição é maioria no Legislativo, enquanto o partido governista, Peru Livre, conta com apenas 37 cadeiras. Com informações da Folha.

The post Presidente do Peru é intimado a depor, e impeachment ganha força appeared first on Terra Brasil Notícias.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Presidente do Peru é intimado a depor, e impeachment ganha força
FONTE: Terra Brasil

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Diretor de entidade: vitória de Lula ajudaria a levar o continente ao precipício

Eleições no Brasil e na Colômbia em 2022 podem reconstruir hegemonia da esquerda na América …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *