Página Inicial / Últimas / Crise na Ucrânia: China apoia Rússia e faz alerta para os EUA

Crise na Ucrânia: China apoia Rússia e faz alerta para os EUA

Em conversa com os EUA, China afirma que as preocupações de segurança da Rússia a respeito da crise na Ucrânia devem ser levadas a sério

A China pediu nesta quinta-feira ao governo dos Estados Unidos que as preocupações de segurança da Rússia a respeito da crise na Ucrânia devem ser levadas a sério, durante uma ligação entre os chefes de diplomacia das duas potências.https://d-34375870852191732925.ampproject.net/2201141909003/frame.html

Na conversa, o ministro chinês das Relações Exteriores, Wang Yi, também exigiu ao secretário de Estado Antony Blinken que Washington “pare de interferir” nos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim e “pare de brincar com o fogo” na questão de Taiwan.

A ligação, a poucos dias da cerimônia de abertura dos Jogos de Inverno, abordou principalmente a crise na Ucrânia, onde a presença de dezenas de milhares de tropas russas na fronteira provocam o temor de uma invasão.

O Kremlin nega ter intenções hostis e justifica a mobilização de seu exército pela preocupação com sua segurança ante a possível expansão da Otan para a antiga zona de influência de Moscou.

“As preocupações razoáveis de segurança da Rússia devem ser levadas a sério e resolvidas”, declarou Wang Yi, de acordo com o comunicado divulgado pelo ministério chinês. “A segurança regional não pode ser garantida pelo fortalecimento ou, inclusive, a expansão dos blocos militares”.

“Todas as partes deveriam abandonar completamente a mentalidade da Guerra Fria e formar um mecanismo de segurança europeu equilibrado, efetivo e sustentável por meio de negociações”, insistiu o ministro.

Ao mesmo tempo, Blinken advertiu o colega chinês para “os riscos econômicos e de segurança global que representam uma agressão da Rússia contra a Ucrânia e concordou que a desescalada e a diplomacia são a maneira responsável de proceder”, disse seu porta-voz Ned Price.

O ministro chinês aproveitou a conversa para advertir o governo dos Estados Unidos contra sua postura a respeito dos Jogos Olímpicos de Pequim, que foi afetado pela rivalidade entre as duas potências e as acusações de violações dos direitos humanos na China.

Estados Unidos e outros países aliados anunciaram um boicote diplomático aos Jogos por esta questão, especialmente pela repressão à minoria muçulmana uigur na região de Xinjiang.

The post Crise na Ucrânia: China apoia Rússia e faz alerta para os EUA appeared first on Terra Brasil Notícias.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Crise na Ucrânia: China apoia Rússia e faz alerta para os EUA
FONTE: Terra Brasil

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Extra TBN: Gusttavo Lima homenageia Bolsonaro adesivando seu helicóptero, veja

Gusttavo Lima mandou plotar helicóptero do Frigorífico Goiás com a bandeira do Brasil e elementos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *