terça-feira ,27 fevereiro 2024
Página Inicial / Últimas / Os governadores que não vão ao evento de Lula pelo 8 de janeiro

Os governadores que não vão ao evento de Lula pelo 8 de janeiro

foto: Reprodução

Entre os motivos apresentados pelos governadores para não comparecerem ao evento estão férias, e compromissos pré-agendados

Governadores que já estiveram alinhados com o ex-presidente Jair Bolsonaro já sinalizam que devem faltar ao ato organizado pelo Palácio do Planalto no 8 de janeiro. Entre os motivos apresentados por eles estão férias, e compromissos pré-agendados, conforme levantou o Jornal O Globo.

O governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas (Republicanos), é um dos que levará falta. Ele está em viagem à Europa e retorna ao Brasil apenas no dia 9 de janeiro, dia seguinte ao ato. São Paulo também não será representado pelo vice-governador, Felício Ramuth (PSD), que estará em viagem à China.

Na ausência de governador e vice, o comando do estado fica à cargo do presidente da Assembleia Legislativa. No caso de se Paulo seria o deputado estadual André do Prado. Ele é filiado ao PL, mesmo partido de Jair Bolsonaro e até o momento não confirmou presença, indica o jornal.

Bolsonaro foi o principal cabo eleitoral de Tarcísio ao governo de São Paulo e ele tem sido apontado por muitos como herdeiro político do ex-presidente.

Outro nome que durante a campanha do ano passado teve Jair Bolsonaro no Palanque foi o governador de Minas Gerais, Romeu Zema, do Novo.

De acordo com apuração de O Globo, a Secretaria de Comunicação de Minas informou que a agenda do governador “ainda não está definida”. Recentemente, Zema trocou farpas com o presidente Lula por entraves na negociação envolvendo o pagamento da dívida pública do estado à União.

Ibaneis Rocha (MDB), governador do Distrito Federal, foi o primeiro a informar que não iria comparecer. Ele está de férias em Miami, nos Estados Unidos, onde fica até o dia 15 de janeiro.

Durante a apuração dos ataques às sedes dos três poderes o Supremo Tribunal Federal (STF), em decisão do ministro Alexandre de Moraes, afastou Ibaneis do cargo por “conduta dolosamente omissiva”.

O ministro levou em consideração o que observou como postura de omissão e conivência de diversas autoridades da área de segurança e inteligência do Distrito Federal no episódio. Moraes elencou dentre os motivos a falta de policiamento adequado, a permissão para que mais de 100 ônibus ingressassem em Brasília sem escolta e a inércia no desmonte do acampamento no QG do Exército.

O governador de Santa Catarina, Jorginho Melo (PL), também não deverá comparecer. A assessoria informou ao jornal que ainda não havia sido informada do convite, mas o gestor já alegou que deverá ficar no estado para “compromissos previamente marcados”.

O mesmo acontece com o governador do Rio, Claudio Castro (PL). O Palácio da Guanabara respondeu que ele teria uma reunião do secretariado marcada para o dia 8 de janeiro. Recentemente, Castro apareceu em fotos ao lado de Jair Bolsonaro e do deputado federal Alexandre Ramagem, que deve ser o candidato do PL a prefeito do Rio de Janeiro.

Ainda não foi divulgado o formato do evento, mas nas palavras do presidente Lula, ele será para “lembrar o povo que houve uma tentativa de golpe, que foi debelado pela democracia do país”.

O Antagonista

O post Os governadores que não vão ao evento de Lula pelo 8 de janeiro apareceu primeiro em Terra Brasil Notícias.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Os governadores que não vão ao evento de Lula pelo 8 de janeiro
FONTE: Terra Brasil

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Bolsonaro se reuniu com Temer para alinhar discurso de ato na Paulista, diz site

Daniel Ferreira/Metrópoles Após reunião com Bolsonaro, Temer procurou ministros do STF para afiançar que ex-presidente …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *