Página Inicial / Últimas / “STF” da Venezuela torna líder da oposição inelegível: “não poderá concorrer”

“STF” da Venezuela torna líder da oposição inelegível: “não poderá concorrer”

Foto: Reprodução/Diário Las Américas.

O Supremo Tribunal de Justiça da Venezuela anunciou esta sexta-feira (27) que desqualificou a candidatura presidencial da líder da oposição, María Corina Machado.

“A cidadã MARÍA CORINA MACHADO PARISCA encontra-se IMPEDIDA para o exercício de funções públicas pelo período de 15 (quinze) anos, conforme Resolução número 01-00-000285, de 16 de setembro de 2021, da Controladoria-Geral da República”, disse o tribunal.

Machado reagiu em sua conta X, antigo Twitter, à decisão da Suprema Corte e observou: “O regime decidiu acabar com o Acordo de Barbados. O que NÃO está acabando é a nossa luta pela conquista da democracia através de eleições livres e justas. Maduro e o seu sistema criminoso escolheram o pior caminho para eles: eleições fraudulentas. Isso não vai acontecer. Que ninguém duvide, isso é ATÉ O FIM.”

https://platform.twitter.com/widgets.js

O impedimento mencionado na decisão judicial refere-se a medida imposta pela Controladoria-Geral da Venezuela contra Machado por supostamente não incluir o pagamento de gratificações alimentares em sua declaração juramentada de bens. O líder da oposição insiste que a desqualificação é ilegal.

A decisão surge no meio de acusações crescentes do Ministério Público venezuelano contra ativistas e opositores, a quem acusa de estarem por trás de uma alegada conspiração para cometer um assassinato contra o presidente Nicolás Maduro.

A CNN entrou em contato com a equipe de Machado para comentar o assunto e aguarda resposta.

No dia 15 de dezembro, Machado compareceu ao Supremo Tribunal de Justiça para apresentar recurso contra a inabilitação política que o impede de concorrer e exercer cargos públicos.

Ao deixar a corte naquele momento, Machado afirmou que fará “tudo o que tiver que ser feito” para permanecer na via eleitoral. “Vamos até o fim. A bola está agora no campo do regime, agora é a sua vez de obedecer”, disse ele aos meios de comunicação.

Mais tarde naquele mesmo dia, em entrevista coletiva, Machado disse: “O que ratifiquei hoje, mais uma vez, é que não há desqualificação. Além disso, o povo me capacitou e é isso que está confirmado, ratificado no documento que apresentamos”. Explicou ainda que o documento apresentado “é uma ação judicial de reivindicação por meios factuais. Isso significa que há um fato público, mas não há ato. Não há ato. E é isso que estamos verificando hoje com esta ação”.

O advogado que representa Machado, Perkins Rocha, relatou pela uma situação que o jurista considerou colocar a sua cliente numa “situação perigosa de indefesa” ao impedi-la de ter conhecimento do procedimento.

Créditos: CNN.

O post “STF” da Venezuela torna líder da oposição inelegível: “não poderá concorrer” apareceu primeiro em Terra Brasil Notícias.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:“STF” da Venezuela torna líder da oposição inelegível: “não poderá concorrer”
FONTE: Terra Brasil

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Campos Neto diz que está disposto a debater PEC com governo Lula

O presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, demonstrou abertura para negociar com o …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *