Página Inicial / Últimas / Aprovação do governo Lula despenca e desaprovação cresce; Veja números

Aprovação do governo Lula despenca e desaprovação cresce; Veja números

Foto: PATRICIA DE MELO MOREIRA / AFP.

Segundo o mais recente levantamento do Instituto Paraná Pesquisas, o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva enfrenta uma deterioração em sua avaliação. Comparando com março de 2023, a aprovação à gestão federal diminuiu e a desaprovação cresceu em fevereiro deste ano.

O estudo revela que 48% dos entrevistados afirmaram aprovar a administração de Lula em seu terceiro mandato, em comparação com os 54,4% registrados em março de 2023. Esta queda de 6,4 pontos percentuais é superior à margem de erro de 2,2 pontos percentuais.

Por outro lado, a desaprovação ao governo Lula atingiu 47%, representando um aumento de 9,8 pontos percentuais em relação aos 38% registrados em março de 2023. Aqueles que não souberam ou não responderam foram 4,1% neste ano e 7,6% em 2023.

A redução na aprovação foi impulsionada pela diminuição dos eleitores que classificaram a administração de Lula como “ótima” (de 12,4% para 11,9%) e “boa” (de 25,4% para 21,9%), e pelo aumento daqueles que a consideram “ruim” (de 8,3% para 10,1%) e “péssima” (de 22,9% para 29,8%). O índice de avaliação “regular” oscilou de 26,2% para 25,3%, enquanto os que não souberam ou não opinaram diminuíram de 4,8% em 2023 para 1% neste ano.

Os dados indicam que a região Nordeste continua sendo o principal reduto de apoio a Lula, com 59,9% de aprovação entre os entrevistados da região, enquanto 37,2% desaprovam. A região Sul apresenta os menores índices de aprovação (38,2%) e os maiores de desaprovação (57,7%).

Economia

Quando questionados sobre as falhas do governo Lula, 41,1% dos entrevistados citaram ao menos uma delas. As mais frequentemente mencionadas foram “aumento de impostos”, “falta de combate à corrupção” e “excesso de gastos e viagens”.

Em relação à perspectiva financeira pessoal para 2024, a maioria dos brasileiros não se mostra otimista: 34,7% esperam uma melhora, 35,6% acreditam que permanecerá igual e 24,5% preveem uma piora. Em relação à economia do país, 37,4% esperam uma melhora, 24,5% acham que ficará igual e 33,4% creem que vai piorar.

Quanto à dificuldade de encontrar emprego formal, a opinião está dividida: 29,7% consideram mais fácil, 31% acham que está igual e 29,2% acreditam que está mais difícil.

A pesquisa também investigou a percepção dos eleitores sobre os preços durante o governo Lula. Para 48,4%, os preços nos supermercados aumentaram, enquanto 27% afirmaram terem diminuído e 22% não perceberam diferença.

O Instituto Paraná Pesquisas entrevistou 2026 eleitores em 26 estados e no Distrito Federal entre os dias 24 e 28 de janeiro, com uma margem de erro de 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos e uma taxa de confiança de 95%.

Com informações da VEJA.

O post Aprovação do governo Lula despenca e desaprovação cresce; Veja números apareceu primeiro em Terra Brasil Notícias.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Aprovação do governo Lula despenca e desaprovação cresce; Veja números
FONTE: Terra Brasil

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Campos Neto diz que está disposto a debater PEC com governo Lula

O presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, demonstrou abertura para negociar com o …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *