Página Inicial / Últimas / Lula quer impedir atos em memória dos 60 anos do regime militar

Lula quer impedir atos em memória dos 60 anos do regime militar

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva instruiu seus ministros a não realizarem qualquer evento, discurso ou produção de material em memória dos 60 anos do regime militar. A decisão visa evitar atritos com os militares, mantendo uma postura sensível a um tema ainda delicado nas Forças Armadas. O presidente discutiu a questão com o ministro dos Direitos Humanos e Cidadania, Silvio Almeida, evidenciando sua participação direta nessa orientação.

A medida impacta planos de diversas pastas, como os Direitos Humanos, que tinha uma programação extensa para lembrar a data, e a Comissão de Anistia, que planejava a “Semana do Nunca Mais”. O governo Lula busca evitar polêmicas em torno do regime militar instituído em 1964, uma posição que também pode afetar a possível recriação da Comissão de Mortos e Desaparecidos Políticos.

Lula, em entrevista recente, destacou sua preocupação em não remoer o passado e focar em conduzir o país adiante. A decisão, considerada uma “ordem expressa”, busca evitar confrontos com setores que podem criticar a postura do governo diante de um período autoritário na história do Brasil.

Com informações do Correio Braziliense.

O post Lula quer impedir atos em memória dos 60 anos do regime militar apareceu primeiro em Terra Brasil Notícias.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Lula quer impedir atos em memória dos 60 anos do regime militar
FONTE: Terra Brasil

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Avança no Congresso projeto que tira sigilo dos dados de pedófilos

Marcello Casal/Agência Brasil) Projeto foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça do Senado e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *