Página Inicial / Últimas / NÃO APRENDEU: Lula volta a falar que condena ataque do Hamas e diz que houve “carnificina”

NÃO APRENDEU: Lula volta a falar que condena ataque do Hamas e diz que houve “carnificina”

foto: Sérgio Lima

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva reafirmou a posição do Partido dos Trabalhadores (PT) condenando o ataque inicial do Hamas contra Israel, que desencadeou o recente conflito no Oriente Médio. Ele criticou a intensidade da resposta israelense na Faixa de Gaza, classificando-a como uma tragédia e reiterou a necessidade de libertação dos reféns por ambos os lados.

Durante um discurso em um evento do PT, Lula destacou a importância da intervenção da ONU para resolver a situação. Ele lembrou que o Brasil foi o primeiro país a reconhecer o Estado da Palestina e mencionou o apoio à iniciativa da África do Sul na Corte Internacional de Justiça da ONU para investigar possíveis atos de genocídio e crimes relacionados, buscando um cessar-fogo imediato.

Lula também fez uma comparação controversa entre as ações militares israelenses e o Holocausto, o que resultou em uma forte reação do governo de Israel, incluindo uma reprimenda pública ao embaixador brasileiro e a declaração de Lula como “persona non grata” até que haja um pedido de desculpas oficial.

com informações Poder 360

O post NÃO APRENDEU: Lula volta a falar que condena ataque do Hamas e diz que houve “carnificina” apareceu primeiro em Terra Brasil Notícias.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:NÃO APRENDEU: Lula volta a falar que condena ataque do Hamas e diz que houve “carnificina”
FONTE: Terra Brasil

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Avança no Congresso projeto que tira sigilo dos dados de pedófilos

Marcello Casal/Agência Brasil) Projeto foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça do Senado e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *