Página Inicial / Últimas / Vídeo de líder comunista do Vietnã jantando filé coberto de ouro causa indignação e é apagado

Vídeo de líder comunista do Vietnã jantando filé coberto de ouro causa indignação e é apagado

Líder comunista do Vietnã é criticado após frequentar restaurante de luxo em Londres| Foto: Reprodução

O ministro de Segurança Pública do Vietnã, To Lam, jantou nesta semana em um restaurante de luxo em Londres, causando indignação no seu país, onde a população ainda enfrenta os efeitos econômicos da pandemia. No cardápio estavam filés cobertos de lâminas de ouro, um dos pratos mais caros da cidade, informa Gazeta do Povo.

To, um potencial futuro líder do Partido Comunista do Vietnã, foi para Londres após ter participado da cúpula do clima COP26 em Glasgow. O líder comunista aproveitou a viagem à capital da Inglaterra para fazer uma visita ao túmulo do revolucionário socialista alemão Karl Marx, antes de jantar no badalado restaurante.

O vídeo do jantar foi compartilhado pelo famoso chef turco Nusret Gökçe, conhecido como Salt Bae, com os seus 11 milhões de seguidores no TikTok.

As imagens mostram o chef celebridade preparando os filés cobertos com folhas de ouro 24 quilates na mesa das autoridades vietnamitas e servindo pedaços de carne na boca de To Lam.

O vídeo foi removido da conta de Salt Bae pouco tempo depois de sua publicação. Porém, mesmo após a remoção do original, o vídeo logo se espalhou pelas redes.

Segundo a Radio Free Asia, muitos vietnamitas questionaram nas redes sociais como To pôde pagar o extravagante jantar com o seu salário, que é de cerca de US$ 660 (cerca de R$ 3.500) mensais.

“O dinheiro dos meus impostos foi usado para luxos”, reclamou alguém nos comentários em uma das publicações do vídeo.

Não há informações sobre o valor total do jantar ou sobre quem pagou a conta. Na imprensa, há relatos de que esse prato custa de 850 a 1500 libras (até mais de R$ 10 mil).

Hashtag suspensa no Facebook

Após a publicação do vídeo, a hashtag #saltbae ficou temporariamente bloqueada no Facebook. A rede social já foi acusada de ceder à pressão do regime comunista do Vietnã para censurar publicações em sua plataforma.

A Meta, empresa controladora do Facebook, disse em comunicado que a hashtag #saltbae foi desbloqueada na terça-feira e que estava investigando por que ela ficou indisponível, segundo o NY Times.

Maduro também frequentou restaurante de Salt Bae

O ditador venezuelano Nicolás Maduro também já causou indignação ao frequentar um dos restaurantes de Salt Bae. Em 2018, em viagem de volta para casa depois de ter visitado a China, Maduro fez uma parada em Istambul, na Turquia, onde aproveitou para jantar no restaurante do chef Nusret Gokce. Lá, ele foi filmado, ao lado de sua esposa, Cilia Flores, fumando charuto e comendo suculentos pedaços de carne assada.

Também naquela ocasião o chef compartilhou o vídeo do jantar nas redes sociais. O contraste da cena em relação à situação de miséria do povo venezuelano causou indignação.

The post Vídeo de líder comunista do Vietnã jantando filé coberto de ouro causa indignação e é apagado appeared first on Terra Brasil Notícias.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Vídeo de líder comunista do Vietnã jantando filé coberto de ouro causa indignação e é apagado
FONTE: Terra Brasil

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Canadá, Reino Unido e Austrália se juntam aos EUA no boicote diplomático aos Jogos Olímpicos de Pequim

O Canadá vai se juntar ao boicote diplomático dos Estados Unidos, Reino Unido e Austrália aos Jogos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *