Página Inicial / Últimas / Prioridades: Maringá decreta calamidade pública, mas contrata show de Luan Santana

Prioridades: Maringá decreta calamidade pública, mas contrata show de Luan Santana

Prefeitura de Maringá também anunciou planos de construir uma praia artificial após pedir a extensão do estado de calamidade pública

A prefeitura de Maringá pediu na segunda-feira (14/2) para que a Assembleia Legislativa do Paraná analise o pedido para estender o estado de calamidade pública devido à pandemia de Covid-19. Mesmo com a solicitação, o prefeito Ulisses Maia, do PSD, anunciou que pretende construir uma praia artificial e contratou o cantor Luan Santana para fazer um show no aniversário da cidade.

Se aprovado, o período de calamidade pública será prolongado até o dia 31 de dezembro deste ano. Essa condição permite o acesso a recursos federais de forma facilitada e autoriza compras emergenciais sem licitação. As metas fiscais também podem ser ultrapassadas durante o período de crise.

Segundo publicação no Diário Oficial da cidade, o cantor Luan Santana foi contratado por R$ 265 mil para fazer um show público no dia 9/5. Ao justificar a dispensa de licitação, a prefeitura informou que “a contratação se justifica, pois o cantor é consagrado pela crítica especializada e pela opinião pública”.

Já a construção da praia artificial foi anunciada pela prefeitura em 3 de janeiro. A gestão pretende iniciar as obras ainda neste ano.

O prefeito Ulisses Maia disse em entrevista ao jornalista Fábio Calsavara, no último dia 14, que a intenção é encerrar fevereiro com o espaço já viabilizado. Ele afirmou que licitará a empresa para fazer o projeto após a escolha do local e que a obra poderá custar por volta de R$ 40 milhões, segundo uma comparação feita com o projeto desenvolvido na cidade de Cariacica, no Espírito Santo.

A assessoria de imprensa da prefeitura informou que o projeto da praia é embrionário e que poderá ficar pronto só em 2023. Em relação à contratação de Luan Santana, a gestão afirmou que só será permitida a entrada de pessoas com esquema vacinal completo e que o show terá limitação de público.

Sobre a extensão do estado de calamidade pública, a prefeitura respondeu que o pedido “se enquadra como medida em nível estadual para a manutenção dos contratos realizados pelo município para continuidade do enfrentamento da pandemia, sobretudo quando analisados pela luz dos dispositivos da Lei de Responsabilidade Fiscal, em especial quando trata das situações de calamidade pública”.

The post Prioridades: Maringá decreta calamidade pública, mas contrata show de Luan Santana appeared first on Terra Brasil Notícias.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Prioridades: Maringá decreta calamidade pública, mas contrata show de Luan Santana
FONTE: Terra Brasil

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Fachin: Acatar resultado da eleição é inegociável

Ele também propôs que os espíritos sejam desarmados para que haja paz no processo eleitoral. …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *