Página Inicial / Últimas / Petista Wellington Dias critica proposta de Bolsonaro sobre ICMS

Petista Wellington Dias critica proposta de Bolsonaro sobre ICMS

Para o ex-presidente do Consórcio Nordeste, o governo federal deve usar o “lucro abusivo” da Petrobras para compensar imposto

O ex-governador do Piauí Wellington Dias (PT) criticou nesta terça-feira, 7, a proposta do presidente Jair Bolsonaro (PL) de compensar os Estados para zerar impostos sobre os combustíveis.

De acordo com o petista, o governo federal tirará dinheiro do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) e da Saúde de Estados e municípios.

“Pode o Executivo alterar o tributo de outro ente da federação, sem cumprir regras da Constituição? Não, e ele [Bolsonaro] sabe disto”, disse. “Parece birra contra os governadores, e o povo sofrendo”, afirmou Dias, em nota.

Para o ex-governador, a solução seria a criação de um fundo de equalização e compensação dos combustíveis com recursos do “lucro abusivo” da Petrobras.

“Quanto seria o lucro razoável da Petrobras em 2021? Algo como R$ 30 bilhões a R$ 40 bilhões e totalizou R$ 106 bilhões de lucro e a União lucrou com a desgraça do povo, com o aumento dos combustíveis, e ganhou em 2021 cerca de R$ 45 bilhões como sócia da Petrobras”, disse o ex-presidente do Consórcio Nordeste.

“Este ano, só no primeiro semestre, a Petrobras já lucrou R$ 44 bilhões e deve chegar neste ritmo perto de R$ 140 bilhões neste ano. E a União em um trimestre lucrou R$ 17 bilhões e deve fechar com quatro vezes este valor, cerca de R$ 68 bilhões: é um escândalo!”, acrescentou Wellington Dias.

O petista também criticou a dolarização do preço dos combustíveis e apontou como a principal causa para o aumento. “O Brasil que é autossuficiente em produção de petróleo, deixou de ampliar refino no Brasil gerando emprego e renda e a um custo mais baixo, e o governo não seguiu neste caminho, estimulou a importação. Assim ficamos na dependência do preço no mercado internacional”, disse.

ICMS dos Estados

Em coletiva de imprensa na segunda-feira 6, Bolsonaro propôs compensar os Estados para zerar os impostos que incidem sobre diesel e gás até dezembro de 2022. O governo quer também zerar PIS/Cofins e a Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) sobre a gasolina e o álcool. A compensação pode chegar a R$ 50 bilhões.

A proposta foi anunciada por Bolsonaro junto aos presidentes do Senado Federal, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), e da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), em reunião no Palácio do Planalto.

A medida será realizada através de uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que precisará ser votada no Congresso Nacional e é complemento de um esforço feito pelos parlamentares para a redução do valor de combustíveis, gás e energia. Caso o projeto seja aprovado, há uma expectativa de redução imediata do valor do combustível na bomba.

The post Petista Wellington Dias critica proposta de Bolsonaro sobre ICMS appeared first on Terra Brasil Notícias.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Petista Wellington Dias critica proposta de Bolsonaro sobre ICMS
FONTE: Terra Brasil

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Justiça determina que Maluf pague multa de R$ 2,87 milhões por improbidade 

Nesta segunda-feira (04), a Justiça de São Paulo determinou que ex-prefeito Paulo Maluf pague uma multa …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *