Página Inicial / Últimas / AGORA: Milícias iraquianas aliadas do Irã atacam base militar dos EUA na capital do Curdistão

AGORA: Milícias iraquianas aliadas do Irã atacam base militar dos EUA na capital do Curdistão

foto: Reprodução

O grupo de milícias xiitas pró-iraniano Resistência Islâmica no Iraque anunciou hoje ter atacado com drones a base militar de Harir, localizada em Erbil, capital da região semiautônoma do Curdistão iraquiano, que abrigava forças dos Estados Unidos. Este é o mais recente episódio de uma série de ações semelhantes no país, inserido no contexto da guerra em Gaza.

Em comunicado, a Resistência Islâmica no Iraque afirmou: “Os mujahideen da Resistência Islâmica no Iraque atacaram a base ocupada de Harir em Erbil, no norte do Iraque, com drones, e a Resistência Islâmica confirma a sua contínua destruição de fortalezas inimigas.”

A Unidade de Contraterrorismo do Curdistão Iraquiano também se pronunciou, informando que um drone carregado com explosivos atacou a base de Harir em Erbil, que já estava sendo utilizada como base militar pela coligação internacional contra o Estado Islâmico.

Até o momento, os Estados Unidos, líderes da coligação anti-jihadista, não responderam à informação, e não há informações sobre possíveis vítimas.

Este ataque ocorre após o anúncio do primeiro-ministro iraquiano, Mohamed Shia al Sudani, na última sexta-feira, sobre a formação de um comitê para programar a retirada das forças da coligação internacional do país.

O político condenou também o ataque realizado pelos Estados Unidos nesta quinta-feira, que resultou na morte de membros do grupo pró-governo Popular Multitude em um de seus quartéis-generais em Bagdá, incluindo um destacado comandante.

A Resistência Islâmica no Iraque tem assumido a responsabilidade por dezenas de ataques contra alvos dos EUA na Síria e no Iraque desde meados de outubro, em resposta ao apoio “inabalável” de Washington a Israel e em solidariedade ao grupo islâmico palestino Hamas na Faixa de Gaza.

Na mesma semana, os sistemas de defesa aérea destruíram um drone lançado contra o aeroporto de Erbil. A Direção Geral Antiterrorista do Curdistão Iraquiano afirmou que “um drone foi abatido no Aeroporto Internacional de Erbil”, acusando “milícias” do incidente “ilegal”.

Grupos não especificados lançaram “um drone com explosivos” contra “a base militar da coligação internacional contra o Estado Islâmico”, localizada nas instalações do aeroporto. Até o momento, não há informações sobre vítimas ou danos materiais decorrentes desse ataque.

Nenhum grupo havia assumido a responsabilidade na época, embora milícias pró-Irã tenham realizado dezenas de ataques a bases dos EUA no Iraque e na Síria nos últimos três meses.

Os Estados Unidos, que realizaram diversos ataques contra esses grupos em ambos os países nas últimas semanas – alguns criticados por Bagdá por falta de coordenação – denunciaram que o Irã “facilita ativamente” os ataques, apesar das negações por parte de Teerã.

(Com informações da EFE e Europa Press)

O post AGORA: Milícias iraquianas aliadas do Irã atacam base militar dos EUA na capital do Curdistão apareceu primeiro em Terra Brasil Notícias.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:AGORA: Milícias iraquianas aliadas do Irã atacam base militar dos EUA na capital do Curdistão
FONTE: Terra Brasil

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Pesquisa mostra força da chapa Tarcísio e Michelle; VEJA NÚMEROS

Na pesquisa realizada pela Genial/Quaest, um achado significativo é o potencial de votos de Tarcísio …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *