Página Inicial / Últimas / Milei quer mandar tropas para ajudar presidente do Equador, Estados Unidos também ofereceu ajuda

Milei quer mandar tropas para ajudar presidente do Equador, Estados Unidos também ofereceu ajuda

Reprodução/Twitter Forças Armadas 

A ministra da Segurança da Argentina, Patricia Bullrich, afirmou na noite desta terça (9) que o país está disposto a enviar forças de segurança para ajudar o Equador na guerra contra facções criminosas. Os presidentes da Colômbia, Gustavo Petro, e da Bolívia, Luis Arce, também ofereceram apoio para o presidente Daniel Noboa, que decretou estado de “conflito armado interno” no Equador, após os episódios de violência registrados nas últimas horas.

“Estamos dispostos a ajudá-los, a mandar forças de segurança se for preciso, porque isso é uma questão continental. O que acontece no Equador, na Colômbia, na Bolívia, influi na Argentina. Temos que nos proteger disso como país e como continente”, disse Bullrich ao canal argentino TN.

A ministra também afirmou que atualizou a chanceler de Javier Milei, Diana Mondino, sobre a situação equatoriana. Mondino, por sua vez, declarou “apoio total” a Noboa e à ação das forças de segurança.

Os Estados Unidos também condenaram veementemente os recentes ataques de grupos armados no Equador. O governo norte-americano está empenhado em cooperar com parceiros para levar os criminosos à justiça, disse o conselheiro de Segurança Nacional da Casa Branca, Jake Sullivan, na quarta-feira (10).

Já o presidente boliviano, Luis Arce, manifestou, na rede social X, “predisposição de apoio para que a tranquilidade retorne às ruas do Equador”. “Repudiamos os episódios de violência ocorridos nas últimas horas na República irmã do Equador. Expressamos nossa plena solidariedade ao povo e ao governo equatoriano, que atravessa uma situação crítica de segurança e luta contra a delinquência”.

Arce também enfatizou “que é urgente trabalhar na regionalização da luta contra o narcotráfico e outros atos ilícitos” e pediu a criação de organismos como a Aliança Latino-americana Antinarcóticos, proposta pelo país em encontros internacionais. “É momento de avançar unidos na luta conjunta contra esses delitos transnacionais na nossa Pátria Grande!”, escreveu.

O governo colombiano, por sua vez, ofereceu “todo apoio” a Noboa. “Estamos atentos a todo apoio que o governo do Equador nos solicitar”, escreveu Gustavo Petro, presidente do país, que tem fronteira com o Equador.

O post Milei quer mandar tropas para ajudar presidente do Equador, Estados Unidos também ofereceu ajuda apareceu primeiro em Terra Brasil Notícias.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Milei quer mandar tropas para ajudar presidente do Equador, Estados Unidos também ofereceu ajuda
FONTE: Terra Brasil

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Bolsonaro diz que o Brasil elegeu um presidente que é “amante de ditaduras”; VEJA VÍDEO

Jair Bolsonaro, em um evento no Rio, expressou sua opinião sobre o atual presidente. Segundo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *