Página Inicial / Últimas / Relação entre STF e Planalto deve ser ‘intermediada’ por Aras

Relação entre STF e Planalto deve ser ‘intermediada’ por Aras

É lorota a nota do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a reunião do seu presidente com o procurador geral da República. O tal “diálogo permanente entre as duas instituições” e outras obviedades quase não foram tratadas. Falaram por 50 minutos sobre a crise que atingiu sua temperatura mais alta no “rompimento” declarado por Fux, ao cancelar reunião com outros chefes de poder. A Aras restou o papel inescapável de “intermediário informal” na relação entre os chefes dos poderes. A informação é do Diário do Poder.

O pacificador

Aras é mestre do relacionamento, elegante e gentil, e inspira respeito no Planalto e no STF. Por isso deve evoluir à condição de “pacificador”.

Quem começou

A origem na briga entre Jair Bolsonaro e o STF mais parece a velha discussão sobre quem surgiu primeiro, o ovo ou a galinha.

Ovo ou a galinha?

O STF acha inaceitável Bolsonaro agredir ministros. O governo acha que o STF começou as hostilidades, “cassando” prerrogativas do presidente.

O jogo é político

O STF acusa o presidente até de “crimes” não previstos no ordenamento jurídico: “difundir fake news” e “uso indevido de órgãos de comunicação”.

Brasil bate 150 milhões de doses aplicadas

O Brasil ultrapassou, na sexta-feira (6), as 150 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 aplicadas na população. O número equivale a cerca de 95% do público-alvo da campanha nacional de imunização, que teve início em 17 de janeiro, de pouco mais de 158 milhões de brasileiros adultos. Desses, cerca de 45 milhões de brasileiros estão completamente imunizados com duas doses ou com a dose única da vacina Janssen.

População geral

Mais de 52,5% da população geral, que inclui crianças e adolescentes, já recebeu ao menos uma dose de vacina.

Imunizados

O Mato Grosso do Sul é o estado que mais imunizou sua população: 34,6% receberam duas doses ou a dose única Janssen.

Primeiras doses

São Paulo é o estado que mais aplicou primeiras doses de vacinas; mais de 39,3 milhões. Mais de 61% da população recebeu uma dose.

A bola está com a Câmara

O presidente da Câmara, Arthur Lira, agiu como presidente de poder, ao determinar que será o plenário quem vai decidir sobre impressão voto, e não o presidente da República ou ministros do STF e do TSE.

Melancia no pescoço

Para imitar países europeus, o governador do Ceará, Camilo Santana (PT), pretende exigir de visitantes duas doses de vacina, como se no Estado estivessem os únicos brasileiros integralmente imunizados.

Precisa ser estudado

Ministros de cortes supremas, mundo afora, devem estar perplexos com a participação de ministros do nosso Supremo de evento reunindo opositores do governo. O Brasil, de fato, não é para principiantes.

Jogada eleitoral

O governo paulista divulgou calendário com antecedência de até sete semanas, sem a garantia de que haveria vacinas. Como as doses não se materializaram na data “prevista”, culpou o Ministério da Saúde. E ontem o governador João Doria mudou a versão. Agora há vacinas.

Negativa unânime

O deputado Ricardo Barros (PP-PR) divulgou interessante levantamento, baseado nas notas taquigráficas da CPI, mostrando que todas as testemunhas negaram seu envolvimento com a negociação de vacinas.

Mal na foto

Resultados preliminares de pesquisas para 2022 indicam que senadores da cúpula da CPI da Pandemia não estão lá muito bem na foto, em seus Estados, ainda que grande parte dos entrevistados seja antibolsonarista.

Vacinação capital

O governo do Distrito Federal definiu para terça-feira (10) o início da vacinação a partir dos 25 anos de idade. Na próxima semana, confirmará a imunização de brasilienses a partir dos 18 anos.

Esses ianques…

Os EUA costumam fazer “hacking Def Cons” para testar a inviolabilidade de suas urnas eletrônicas. Em uma das mais recentes, os hackers nem mesmo suaram. Levaram pouco mais de 1 hora para invadir o sistema.

Pergunta na boca da urna

Se nas eleições presidenciais de 2022 o eleito somar 51% dos votos, o derrotado com 49% vai aceitar o resultado?

The post Relação entre STF e Planalto deve ser ‘intermediada’ por Aras appeared first on Terra Brasil Notícias.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Relação entre STF e Planalto deve ser ‘intermediada’ por Aras
FONTE: Terra Brasil

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Alcolumbre ‘segura’ sabatinas contra o governo desde quando presidia o Senado

Indicado para o STF, André Mendonça é a “bola da vez” de Alcolumbre Quando presidiu …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *