Página Inicial / Últimas / Contrariando ministro e aliados históricos, governo muda postura sobre gestão privada de presídios

Contrariando ministro e aliados históricos, governo muda postura sobre gestão privada de presídios

Enfrentando críticas devido à fuga de dois detentos da Penitenciária Federal de Mossoró (RN), o governo Lula tem adotado uma posição mais flexível em relação à gestão privada de penitenciárias. No ano passado, um decreto assinado pelos ministros Fernando Haddad (Fazenda) e Geraldo Alckmin (Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços) integrou o sistema prisional ao Programa de Parcerias de Investimentos (PPI). Essa mudança vai de encontro às posições de aliados históricos, e o BNDES foi designado para estruturar a parceria público-privada do Complexo de Erechim, no Rio Grande do Sul, contrariando relatórios anteriores que se opunham ao envolvimento do capital privado no setor.

Atualmente, o modelo de gestão privada em presídios está em estágio inicial no Brasil, com 58 estabelecimentos prisionais sob gestão de organizações sem fins lucrativos, 34 adotando a cogestão com o setor privado e cinco operando como parcerias público-privadas (PPPs). Estados como Bahia, Amazonas e Minas Gerais lideram a adoção desse modelo.

A fiscalização de 24 dessas unidades pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) em 2023 demonstrou que a iniciativa pode gerar resultados positivos. Embora 8 delas apresentassem condições ruins ou péssimas, a maioria (45,8%) foi classificada como ótima ou boa. A fiscalização considerou diversos fatores, incluindo fugas, rebeliões, mortes e apreensões de armas e celulares.

Especialistas destacam a importância da supervisão pública para garantir a eficácia do setor privado na gestão prisional. O ministro dos Direitos Humanos, Silvio Almeida, e o pré-candidato do PSOL à prefeitura de São Paulo, Guilherme Boulos, manifestaram oposição à entrada da iniciativa privada na administração de prisões, citando preocupações sobre a infiltração do crime organizado.

A discussão sobre a gestão privada de presídios no Brasil continua, com divergências sobre os benefícios e custos associados a esse modelo.

Com informações do jornal O Globo.

O post Contrariando ministro e aliados históricos, governo muda postura sobre gestão privada de presídios apareceu primeiro em Terra Brasil Notícias.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Contrariando ministro e aliados históricos, governo muda postura sobre gestão privada de presídios
FONTE: Terra Brasil

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Avança no Congresso projeto que tira sigilo dos dados de pedófilos

Marcello Casal/Agência Brasil) Projeto foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça do Senado e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *