Web Statistics
O que se sabe até agora sobre a queda da ponte na Itália que matou ao menos 22 pessoas | Gazeta de Rondônia
Página Inicial / Últimas / O que se sabe até agora sobre a queda da ponte na Itália que matou ao menos 22 pessoas

O que se sabe até agora sobre a queda da ponte na Itália que matou ao menos 22 pessoas

Parte central da estrutura demoronou em meio a uma forte tempestade. Veículos caíram no rio abaixo, e casas foram atingidas. Governo diz que número de vítimas pode crescer e que incidente é uma ‘grande tragédia’.

Uma ponte de uma estrada desmoronou nesta terça-feira perto da cidade italiana de Gênova. Veículos despencaram de cerca de cem metros de altura, e ao menos 22 pessoas morreram, segundo autoridades.

Teme-se que haja ainda mais vítimas. O ministro italiano dos Transportes, Danilo Toninelli, disse que provavelmente se trata de “uma grande tragédia”.

Imagens de câmeras de segurança mostram o colapso de uma das torres de sustentação da ponte durante uma tempestade. A polícia disse que a causa do desastre está relacionada a esse evento climático violento.

Ponte estava congestionada no momento do incidente

Essa parte da ponte desabou principalmente sobre os trilhos de trem logo abaixo, disseram autoridades à agência de notícias AFP, acrescentando que carros e caminhões também caíram.

Uma imagem divulgada pelos serviços de emergência mostra um caminhão parado em uma das extremidades da ponte.

Como a ponte caiu?

O colapso de parte da parte central da estrutura ocorreu às 11h30 do horário local, sob chuva forte.

“Logo após 11h30, vimos um raio atingir a ponte”, disse à agência de notícias Ansa uma testemunha do incidente, Pietro M. all’Asa. “E então vimos a ponte vir abaixo.”

O trânsito estava congestionado no local no momento, com carros enfileirados sobre a ponte, disse outra testemunha à emissora pública da Itália.

Carros e caminhões ficaram presos nos destroços, e prédios próximos foram danificados, segundo um fotógrafo da AFP que está no local.

Há quantas vítimas?

O ministro Toninelli informou que foram contabilizados até agora 22 mortos, entre eles ao menos uma criança, e alertou que esse número pode crescer.

Veículos caíram no rio, e parte de um galpão foi destruído com o colapso.

A parte da cidade onde a ponte está é densamente habitada, de acordo com o jornal italiano La Repubblica. Várias pessoas ficaram feridas quando a estrutura caiu sobre suas casas, duas delas em estado grave.

Os bombeiros estão trabalhando para resgatar quem ficou preso sob os escombros. Há ao menos 200 pessoas colaborando com estes esforços.

Quão importante é essa ponte?

A ponte Morandi, construída na década de 1960, fica na rodovia A10, que leva à Riviera italiana e à costa sul da França. A parte que caiu tinha dezenas de metros de comprimento e atravessava o leito do rio Polcevera.

Trabalhos de reforço das fundações estavam sendo feitos no momento da queda, mas a estrutura vinha sendo constantemente monitorada, disse a operadora da estrada, de acordo com a agência Reuters.

Fonte: bbc

 

O post O que se sabe até agora sobre a queda da ponte na Itália que matou ao menos 22 pessoas apareceu primeiro em Painel Político.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:O que se sabe até agora sobre a queda da ponte na Itália que matou ao menos 22 pessoas
FONTE: PAINEL POLÍTICO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

ATA FINAL DE INSCRIÇÃO DE CHAPAS – Sindur

Às 18 horas do dia 14 de dezembro do ano de dois mil e dezoito, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *