Web Statistics
Prefeito boliviano é amarrado em protesto contra má gestão, diz jornal | Gazeta de Rondônia

Página Inicial / Brasil / Prefeito boliviano é amarrado em protesto contra má gestão, diz jornal

Prefeito boliviano é amarrado em protesto contra má gestão, diz jornal

Painel Político –

Javier Delgado, prefeito de San Buenaventura, disse que manifestantes buscam tirá-lo do poder.

Moradores de San Buenaventura, município ao norte de La Paz, na Bolívia decidiram, por conta própria, aplicar um castigo ao prefeito da localidade por sua suposta má gestão: Javier Delgado ficou preso pela perna em um cepo para imobilizar animais, de acordo com o jornal “El Deber”.

Para o prefeito, houve “uma total confusão, uma tergiversação [distorção] da informação” motivada por pessoas que buscam revogar o seu mandato. Segundo ele, no protesto havia pessoas defendendo interesses pessoais e políticos.

Uma foto divulgada pelo jornal, mostra o prefeito sentado no chão, com a perna presa a uma estrutura de madeira, conhecida como “cepo”. Uma “punição” que ele já tinha sido submetido em 2015 e 2016 no povoado de Tumupasa, um assentamento da etnia Tacana. O jornal “El Dia” afirma que nas duas primeiras ocasiões ele foi acusado de não cumprir suas funções e mentir para seus eleitores.

‘Castigo moral’

Delgado afirmou que não pode se defender porque estava “praticamente decidido o castigo” ainda que depois ele tenha conseguido esclarecer a situação.

“Tenho o vídeo em que eles me pedem desculpas em público. Trata-se de uma intransigência por má informação, por desinformação intencionada”, declarou.

Delgado declarou ter ficado profundamente triste com o ocorrido. “[Foi um castigo] mais que físico, moral”.

Punição: costume indígena

Os povos indígenas bolivianos se guiam por princípios éticos “não seja fraco, não seja mentiroso, não seja ladrão” e pelo conceito de justiça comunitária, reconhecido na Constituição de 2009.

Porém, a justiça comunitária não prevê punições físicas, como o “cepo”, mas apenas sanções menores como multas ou trabalhos comunitários, de acordo com o Infobae.

A lei prevê que os moradores “julguem” apenas delitos menores como roubo de gado ou invasão de terras. Os crimes mais graves devem ser encaminhados à justiça comum.

Moradores da área rural costumam ir além e chegam a tomar atitudes extremas, como linchar ladrões.

Fonte: g1

Prefeito boliviano é amarrado em protesto contra má gestão, diz jornal



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Prefeito boliviano é amarrado em protesto contra má gestão, diz jornal
FONTE: PAINEL POLÍTICO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Greve de caminhoneiros faz governo estender vacina contra gripe

Sem transporte ou com pouco combustível, muitas pessoas não conseguiram chegar até os postos de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *