Página Inicial / Últimas / Chefe da PF do Rio garantiu que não haverá “caça às bruxas” contra delegados da Polícia Civil após caso Marielle

Chefe da PF do Rio garantiu que não haverá “caça às bruxas” contra delegados da Polícia Civil após caso Marielle

Márcia Foletto/Agência O GLOBO

Durante um período de tensão entre a Polícia Federal e outras entidades no Rio, como a Polícia Civil, relacionado ao relatório final sobre o caso Marielle, o superintendente da PF no Rio, Leandro Almada, tomou medidas para acalmar a situação.

Em um encontro convocado pelo líder da PF no Rio, que ocorreu nesta quinta-feira com o secretário de Polícia Civil, Marcos Vinícius Amim, e outros altos funcionários, Almada sinalizou uma trégua. Ele assegurou que não ocorreria uma perseguição dentro da Polícia Civil e que a colaboração continuaria, incluindo as iniciativas vindas de Brasília.

Almada também mencionou, conforme relatos dos participantes, que a PF notificou, no sábado à noite, sobre a operação relacionada ao caso Marielle, iniciada no domingo, e enfatizou que a Polícia Civil esteve presente nas buscas em certos locais ligados ao delegado Rivaldo Barbosa. Antigo diretor da instituição, ele foi detido sob alegação de ter arquitetado o atentado contra Marielle Franco, com os irmãos Brazão sendo apontados como os mandantes, de acordo com a PF.

A crise entre as organizações surgiu após a prisão de Rivaldo. Há um crescente ceticismo entre os delegados da Polícia Civil do Rio quanto à acusação de que ele teria orquestrado o homicídio da vereadora.

No documento enviado na quarta-feira pelo diretor da PF ao secretário de Polícia Civil solicitando a reunião de hoje, Almada usou um tom cordial e expressou gratidão pelo “apoio institucional constante da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro”. Ele também reafirmou a “reciprocidade da Superintendência da Polícia Federal, tanto na troca de informações de inteligência quanto no suporte a operações policiais”.

O post Chefe da PF do Rio garantiu que não haverá “caça às bruxas” contra delegados da Polícia Civil após caso Marielle apareceu primeiro em Terra Brasil Notícias.



___________________________________________
LINK DA NOTÍCIA:Chefe da PF do Rio garantiu que não haverá “caça às bruxas” contra delegados da Polícia Civil após caso Marielle
FONTE: Terra Brasil

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

SEJA UM REPÓRTER CIDADÃO

Vários vídeos, matérias e denúncias são enviados diariamente a nossa redação pelos leitores do GAZETA DE RONDÔNIA.

Se a imprensa de seu município ou Estado não noticia reportagens sobre corrupção, envolvimento de pessoas ou autoridades em crimes, abusos ou de qualquer outra natureza que seja de interesse público?

Mande sua pauta que nós publicamos!

Pode ser pelo e-mail: contato@gazetaderondonialcom.br ou pelo WhatsApp da Redação: (66) 9.8412 – 5210.

Envie fatos com imagens, comprovação, documentos, processos, que a gente apura e publica.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe, via Facebook e WhatsApp

Publicado por » Danny Bueno

Especializado em Jornalismo Político e Investigativo. Está radicado nos Estados de Mato Grosso e Rondônia, construiu a carreira trabalhando para sites, jornais e emissoras de TV de Mato Grosso e Rondônia. É assessor de imprensa, é roteirista, produtor de eventos, compositor, editor de conteúdo, relações públicas, analista político e de marketing social. É filiado à ABRAJI - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. (http://portaldosjornalistas.com.br/jornalista/danny-bueno)

Que tal ler esta?

Avança no Congresso projeto que tira sigilo dos dados de pedófilos

Marcello Casal/Agência Brasil) Projeto foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça do Senado e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *